fechar menu fechar menu

É o Point na Capa !

Galera da Neve:

A Equipe do Point da Neve está MUITO feliz :  a edição de início de ano da revista PEQUENAS EMPRESAS & GRANDES NEGÓCIOS traz o Point como matéria de capa; e numa empresa onde todos se sentem donos, bueno, isso é a tal da alegria geral – sim, papai&mamãe, nós trabalhamos bem direitinho e… chegamos lá!

Confira a entrevista exclusiva com o Cris Simões:

Ushuaia: Tierra de Humos, Perros, Lengas, Centollas, Merluzas, etc… (parte 1)

Na terra do fim, ou como dizem os nativos fueguinos, do início do Mundo, não são somente os humos (matéria orgânica que fica depositada no solo) que chamam a atenção dos aventureiros que para lá vão.
“perro” na Av. San Martin
No feriado de 07 de setembro, saí de Porto Alegre com um grupo de amigos: Otaviano “Óx” (meu primo); Caio (amigo de snowtrips e instrutor de snowboard) e Lucas (novo integrante das presepadas nevadas); para Ushuaia – a cidade mais ao sul do mundo (segundo os argentinos, Puerto Williams no Chile não é considerada cidade por possuir aproximadamente 4 mil habitantes).
Desde março estávamos organizando essa viagem e não foram poucos os destinos pelos quais fomos “seduzidos” para escolher: Bariloche, Las Leñas, Chapelco ou Valle Nevado. Entre todos, um critério imperarava na nossa decisão – possuir neve no início de setembro. Foi então que surgiu Ushuaia no mapa, afinal, caso não tivesse neve, haveria uma cidade no entorno para que pudéssemos realizar outras atividades…

nevasca no centro da cidade

… mero engano, no dia 03 chegamos no destino (dia ensolarado e quente, tudo o que não queríamos) e começamos a fazer o reconhecimento da região – naturalmente perfeita, por sinal. No dia seguinte, fomos ao Cerro Castor para snowboardiar, e foi quando entrou uma nevasca que perduraria por mais 02 dias (sem parar) – criando perfeitas condições para a prática dos esportes de neve (não é por menos que as equipes de ski da França, da Itália, da Áustria, entre outras, escolheram Ushuaia como centro de treinamento).

esquiadoras francesas indo pro treino
Sobre o Cerro Castor, não há do que reclamar. Tudo novo, todos os teleféricos tipo “cadeirinha” são quádruplos e rápidos, alguns pomas (famosos “puxa-saco”) para me atrapalhar – realmente, não fui feito para esse meio de locomoção – gente educada, sem filas para os teleféricos e cat tracks (pistas entre pistas) perfeitos, assim como os foras de pistas e os bosques (e que bosques).

eu “meio perdido” na montanha

Das estações da América do Sul que conheço (Cerro Catedral em Bariloche, Cerro Bayo em Villa La Angostura e Portillo no Chile), o Cerro Castor foi a melhor pedida, disparado. Pode parecer possuir poucas pistas (25 no total), mas a largura delas e os entornos das mesmas fazem com que muitas outras pistas aparecem no seu trail map.

Além da boa estrutura dos lifts, a estação de ski de Ushuaia se caracteriza por bons equipamentos para alugar, por um terrain park (área para práticas de freestyle) considerável, por duas lancherias e uma cafeteria pelo alto da montanha, além do Restaurante Morada del Aguila (vale conferir – bom custo benefício) na base, por uma ótima escola de ski/snowboard, com profissionais que, durante o verão do hemisfério sul, trabalham em Vail, como o Walter, instrutor do Óx por um dia.

flan con dulce de leche na Morada del Aguila

Resumindo, Ushuaia – aliada ao Cerro Castor – tem tudo para se tornar referência em esportes de inverno nos próximos 5 anos!!
Vale a pena conferir, afinal, Ushuaia é logo ali!

Hotel Design Calafate: um espetáculo a parte!

O Hotel Design Suites em El Calafate, onde o Grupo do Point ficou hospedado, é um “desbunde”!
Ao chegarmos, fomos recebidos pelos sorridentes atendentes com um delicioso champagne de maça. Foi o “momento feliz” ideal para uma foto de todo o grupo…Em seguida fomos seduzidos pela bela vista do hall, integrado ao restaurante, bar e lounge com lareira… …depois pela piscina… Tudo de extrema beleza, qualidade e bom gosto, ficamos todos muito felizes de estar naquele lugar! A cada passo um quadro novo, uma escultura, um aroma diferente, uma surpresa… Nos quartos, o deleite continuava… que vista!!!
…e que belo banho nos aguardava…Em seguida fomos fazer um reconhecimento do local. O Design está localizado às margens do Lago Argentino, sem quase nenhama casa em volta… barulho só dos pássaros… uma paz… E como o Hotel fica um pouco distante do centro, oferece um serviço grátis de van, que vai e volta, de hora em hora. Pronto, estávamos mais que satisfeitos!
A estada em El Calafate foi maravilhosa!!

Descobrindo El Calafate

Depois das aventuras em Ushuaia, o grupo do Point da Neve ainda tinha mais dois dias de passeio, o destino… El Calafate!



“Muitos foram com o coração partido de deixar Ushuaia e as pistas (me incluo nessa), mas muita coisa ainda estava por vir. Em El Calafate fomos recebidos pelo guia Marcelo, competente e com conhecimento de causa, foi nos contando a história e os segredos da Patagônia. Geografia, culinária, costumes, visitar a Patagônia é ir fundo na história do homem na América do Sul. Com Marcelo fomos apresentados ao Perito Moreno, um dos vários glaciares da região.


Outra vez, com toda a nossa tecnologia, ainda não temos capacidade de passar a verdadeira dimensão nem o sentimento que se tem ao visualizar a beleza da natureza em sua forma mais simples, água e gelo.


Não pude caminhar sobre o glaciar, mas como comi Calafate (o fruto), certamente irei voltar para passar por essa experiência. Fim de viagem, o espírito mais leve, o coração mais recheado. Todos voltaram felizes com as novas experiências, os novos amigos e um gostinho de quero mais.” Palavras de Fábio Balsemão, integrante do Grupo.

A infra-estrutura do Parque Nacional (onde o Glaciar Perito Moreno está localizado) e o bosque em torno do Lago Argentino são incríveis! Tudo organizado, limpo e bem sinalizado. Só a comida do bar do local é que deixa um pouco a desejar.



Fazer o passeio de barco (safári náutico) é imprescindível pra ver bem de pertinho o esplendoroso Glaciar.



Para os mais esportistas e aventureiros, existe a opção de fazer o mini-trekking sobre o gelo que o Fábio comentou, mas a reserva deve ser feita com antecedência, pois é necessário sair mais cedo e preparar a “marmita” pro almoço.

Era muito engraçado ver as pessoas em torno do Glaciar, caminhando sobre as passarelas… era andar 1 metro, parar, ficar de boca aberta e pedir pra alguém tirar uma foto, andar outro metro, ouvir o ruído do gelo e pedir por outra foto… e isso ia se repetindo durante horas… com todos!! Sorte que hoje em dia temos máquinas digitais!!

Fotos: Fábio Balsemão

Dias de glória em Ushuaia…

Estes últimos 3 dias do Grupo do Point da Neve em Ushuaia foram espetaculares!! No nosso primeiro dia de montanha nevou o tempo todo, a maioria dos lifts ficaram fechados, pois as tormentas eram muito fortes. Mas pra maioria do pessoal, que estava boa parte do tempo em aula nas pistas para iniciantes, foi perfeito… nunca foi tao gostoso cair um tombo! Neve muito powder!!



O dia seguinte seguiu muito frio e ventoso, mas com neve e sol se alternando. O clima de Ushuaia muda muito rápido mesmo!



O terceiro dia amanheceu assim:


(vistas do Hotel Cilene del Faro)
Dá pra imaginar entao como este dia foi clássico!! Desde aquela hora cheia de ansiedade da retirada dos equipamentos…

…na subida irreverente no primeiro lift…

…na tradicional foto na La Brecha…


…no almocinho no Cota 480…


…com galera de todos os níveis descendo pela primeira vez uma pista juntos, se divertindo muito…




…no fim do dia, antes de pegar o transfer de volta pro hotel, tomando um “café com crema” na cafeteria…


…e durante a noite, em um jantar super agradável no Kuar, um resto-pub a beira do Canal de Beagle, pra fechar este último dia tao especial…

…vamos querer mais o que, hein???

Primeiro dia do grupo em Ushuaia!

O despertador soou as 5:50h do sábado… vixe, que sono!!
O transfer passaria às 7h pra buscar o grupo no hotel de Buenos Aires, e o café da manhã seria servido no mesmo horário, provavelmente ficaríamos sem “desayuno”, mas o pessoal do hotel muito gentilmente nos preparou um pequeno desayuno…

O vôo da Aerolíneas apresentou uma escala não programada na cidade desértica de Comodoro, ninguém gostou muito dessa “novidade”… Chegamos em Ushuaia com 2 horas de atraso, mas com uma recepção magnífica: MUITA NEVE!!!
O Aeroporto da cidade é muito lindo, pequeno, mas todo em estilo de montanha. Logo no desembarque a Veronica da Best Tours já estava nos aguardando pra irmos pro Cilene del Faro – nosso hotel – ótimo e bem localizado: no centro da cidade, a beira do Canal de Beagle. Os aptos possuem uma pequena cozinha bem bacana e a vista para Canal é deslumbrante!Passeamos um pouco, fizemos compras para o dia seguinte de ski e snowboard e, a noite, seguimos a dica do Cris Simoes, fomos jantar no tradicional Restaurante Tia Elvira. Provamos a Merluza Negra……a famosa Centoulla…
…o risoto de mariscos……e pra quem não curte frutos do mar: uma incrível milanesa com papas fritas……para acompanhar, elegemos o delicioso Achaval Ferrer Malbec 2008……tudo muito gostoso!!
Na volta ao Hotel Cilene, uma tempestade branca cobria o cenário e nós, no meio de tanta neve, de uma hora pra outra, viramos crianças!

Fomos dormir sonhando em como seria o dia seguinte skiando na montanha…

Mais um grupo do Point embarca rumo ä neve!

Na última sexta-feira a tardinha o quarto grupo do Point da Neve desta temporada embarcou rumo à Argentina. Apesar do aeroporto de Porto Alegre estar lotado nesta sexta-feira de pré feriado, não houve grandes atrasos.


Chegando na gelada Buenos Aires (estava marcando 6 graus), nos dirigimos para o Hotel Howard Jonhson Boutique, na Recoleta.


Deixamos as malas e, esfomeados e encarangados, fomos logo à procura de um restaurante próximo. A idéia era de ter um bom jantar e ir dormir em breve, pois no dia seguinte o embarque pra Ushuaia seria bem cedo. A poucas quadras do hotel, em frente ao belíssimo Cemitério da Recoleta, encontramos o restaurante Lola. Foi uma grata surpresa, o local era muito agradável e a “cena” foi ótima! As escolhas da galera foram cordeiro, salmão branco com camarão e churizo, regados aos deliciosos vinhos argentinos… Na volta ao hotel, nem sentimos tanto frio… ic!


Aguardem cenas do próximo capítulo…

Chegando de Chapelco

GALERA DA NEVE !
Estou chegando de
uma semana de Chapelco.Gente… que semana ! Supimpa, fantástica, emocionante, rápida – muito rápida. Proponho que “skiweek” passe a significar 14 noites, é o mínimo que qualquer esquiador ou snowboarder pode esperar do universo, sei lá.Tivemos nevascas, sol, vento, nada-de-vento, powder, gelo, sopa,pegote. Aqueles momentos de incrível silêncio nas cadeirinhas, olhando
os outros e jurando que a próxima descida será a melhor da vida. Emseguida, aquele papo em alguma língua, começando
uma nova amizade.
Pois é, é o mundo
da neve.

Jantares à luz de velas, cercados de madeiras e vinhos, cheiros decipreste e carne, cercados de fogo, risadas, cansaço e muita felicidade.Olhar vitrines com a neve batendo nas orelhas, nariz e seja lá o que esteja aparecendo, dando risadas e corridinhas depois de um dia inteiro de alegria naquela montanha mágica. Tomar um banho quentinho, entrar na cama e puxar bem depressa o edredom, sentindo cada músculo do corpo mexido e
exigido, melhorando a cada
dia, mais forte e capaz. Dormir em 12 segundos,imaginando o dia seguinte, com …pistas quase planas, fáceis,meia-boca, encrespadas, difíceis e porradas – tem para todos os gostos, manias, terrores e egos desvairados. Ninguém fica mal, todo mundoencontra o seu lugar na montanha, e isso pode ser visto, de forma clara,na hora do rango, em algum dos restaurantes – todos, absolutamente todos,tem aquela cara que não se pode esconder : cara de “Oh, thank’s God!”

Bueno, cheguei. É muito tarde, estou viajando sem parar há muitas horas, mas queria dividir com meus ( dois ) leitores a emoção que estou sentindo: um profundo agradecimento por pertencer a este mundo tão especial, tãocheio de ética e amor à natureza, de amor e amizade, momentos felizes epessoas especiais.

A montanha nos faz um pouco melhores a cada vez.Deve ser o tal princípio da ação/reação do Einstein, pôsagora…Aloha, brothers !
beto valle
23NOV2010.